segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

A tracção animal no Pinhal do Rei

            Durante centenas de anos, praticamente até metade do século XIX, os transportes usados no Pinhal para transportar quaisquer produtos foram maioritariamente os carros puxados por bois, sendo também muito utilizados os carros puxados por burros. Tudo era feito por veículos de tracção animal, desde as sementeiras até ao escoamento dos produtos do Pinhal, incluindo o transporte das lenhas para a Fábrica dos Vidros ou de madeiras para os portos de embarque, donde seguiam depois por via marítima.
            Conforme os produtos a transportar, existiam vários tipos de carros: com caixa, sem caixa, com grades, com fueiros ou dobrados. O mais utilizado foi o carro sem caixa ou de caixa aberta.
            Estes carros de tracção animal usaram-se, em alguns casos, nomeadamente nas aldeias em volta do Pinhal, quase até ao século actual.
            Entre os vários tipos de carros ficou célebre o chamado carro dobrado. Era usado para o transporte dos grandes pinheiros, geralmente com comprimentos até 20 metros mas que, em casos excepcionais, podiam até ser bastante maiores. Era composto de 2 carros separados, apoiando em cada um uma das extremidades do pinheiro.
            Estes carros eram puxados normalmente por dois corpulentos bois mas, por vezes, conforme o peso e o tipo de terreno, eram utilizados 4 ou mesmo 6 animais.


 Transporte de pinheiros em carro dobrado - anos 30 do séc. XX

Transporte de pinheiros em carro dobrado - ano de 1940

Transporte de resina - anos 30 de séc. XX

Transporte de mato - anos 50 de séc. XX

 
Transporte de mato - anos 50 de séc. XX

 Transporte de mato - ano de 1984

1 comentário:

  1. olá,parabêns pelo seu blog e por todo o empenho que tem dedicado á divulgação e perservação da nossa história local, da qual sou grande admiradora, mas a qual, tem sido completamente niglegenciada pelas instituiçoes locais competentes na sua perservação assim como do seu património.Um bem haja e força para prosseguir o trabalho!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...